Tenha a possibilidade de redução de impostos. Conheça o fator R.

Você que possui uma empresa prestadora de serviços enquadrada no Simples Nacional, precisa conhecer o fator R, você já ouviu falar sobre ele?

Talvez você não saiba, mas ele pode contribuir para a redução significativa dos impostos pagos pela sua empresa todos os meses, deseja saber como? Acompanhe este conteúdo até o final.

O que é fator R?

O fator R é um cálculo utilizado para determinar o anexo para cálculo do Simples Nacional para boa parte das prestadoras de serviços enquadradas neste regime.

Por sinal, você sabe o que são anexos e como funciona o cálculo do Simples Nacional?

Os anexos são tabelas utilizadas pelo fisco e também pelos contadores para identificar a alíquota correta de tributação para empresas enquadradas no Simples Nacional.

Confira abaixo, as tabelas dos Anexos III e V, opções destinadas a empresas prestadoras de serviços:

Anexo III

FaixaReceita em 12 mesesAlíquotaValor a deduzir
Até 180.000,006,00%
De 180.000,01 a 360.000,0011,20%R$ 9.360,00
De 360.000,01 a 720.000,0013,20%R$ 17.640,00
De 720.000,01 a 1.800.000,0016,00%R$ 35.640,00
De 1.800.000,01 a 3.600.000,0021,00%R$ 125.640,00
De 3.600.000,01 a 4.800.000,0033,00%R$ 648.000,00

Anexo V

FaixaReceita em 12 mesesAlíquotaValor a deduzir
Até 180.000,0015,50%
De 180.000,01 a 360.000,0018,00%R$ 4.500,00
De 360.000,01 a 720.000,0019,50%R$ 9.900,00
De 720.000,01 a 1.800.000,0020,50%R$ 17.100,00
De 1.800.000,01 a 3.600.000,0023,00%R$ 62.100,00
De 3.600.000,01 a 4.800.000,0030,50%R$ 540.000,00

Observe que cada anexo possui alíquotas pré-definidas que variam com base no faturamento das empresas e que as alíquotas do Anexo V (com exceção da última) são maiores que a do Anexo III.

Dito isso, é fácil perceber que o Anexo III é a opção mais econômica para empresas prestadoras de serviços.

Sendo assim, como calcular o Simples Nacional pelo Anexo III? Para responder a essa pergunta, precisamos detalhar a sistemática de cálculo do fator R.

Como funciona o cálculo?

A regra de cálculo do Fator R é a seguinte:

  • Empresas com folha de pagamento em percentual igual ou superior a 28% da folha de pagamento calculam seus impostos com base no Anexo III.
  • Empresas com folha de pagamento em percentual inferior a 28% da folha de pagamento calculam seus impostos com base no Anexo V.

Na prática, esse foi um mecanismo encontrado pelo governo para incentivar empresas prestadoras de serviços enquadradas no Simples Nacional a contratar mais funcionários gerando empregos.

Em síntese, as empresas que destinam um percentual maior do seu faturamento ao pagamento de funcionários, entram para o Anexo III e consequentemente pagam menos impostos.

Por sua vez, as prestadoras de serviço que não investem em mão de obra, acabam penalizadas ao pagar mais impostos no Anexo V.

Deseja saber mais sobre o assunto e reduzir a carga tributária da sua empresa? Conte com a Coan Contábil, entre em contato conosco!

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Este site usa cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.
Abrir chat
💬 Precisa de ajuda?
Olá 👋
Posso te ajudar?